Portugal confirma primeiro caso de coronavírus no país


Portugal registrou o primeiro caso de coronavírus no país. A informação foi divulgada nesta segunda-feira pela ministra da Saúde portuguesa, Marta Temido. A vítima, um homem de 60 anos, viajou recentemente ao Norte da Itália, o principal epicentro de Covid-19 na Europa.

Marta Temido afirmou, ainda, que um segundo caso, referente a um homem de 33 anos que esteve em Valencia, na Espanha, é investigado. O país vizinho já registrou 83 casos da doença, entre eles o famoso escritor chileno Luiz Sepúlveda, que reside no Norte do país.

Ambos estão internados na cidade de Porto e o estado de saúde deles é considerado estável. Pessoas que estiveram com os dois pacientes serão examinadas e acompanhadas pelas autoridades médicas, informou a ministra. O paciente suspeito já teria recebido um diagnóstico positivo, mas aguarda o exame da contraprova.

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, disse ao veículo português Público que a chegada da doença ao país já era esperada.

A segunda vítima não teve detalhes divulgados pelas autoridades. O sigilo partiu de um pedido do próprio paciente. O contágio, no entanto, ocorreu no exterior.

A ministra Marta Temido disse, ainda, que Portugal ampliará o rastreamento de passageiros e seus contatos para incluir voos chegando da Itália, além dos que vêm da China, já monitorados há algum tempo.

Em outro possível caso, um turista chinês precisou ser retirado de um trem durante a noite após se queixar de febre, tosse e dor de garganta, e autoridades disseram que passageiros do transporte seriam rastreados e monitorados.