PRF realiza operação Carnaval em todo Brasil;Veja as dicas para uma viagem segura


À partir das 00 h da próxima sexta-feira (21/02), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia em todo o Brasil a Operação Carnaval, que vai até a meia-noite da Quarta-Feira de Cinzas (26/02). Em 66 mil quilômetros de rodovias federais, policiais, viaturas e equipamentos eletrônicos serão empregados com o objetivo de reduzir a violência no trânsito brasileiro.
Inserida na Operação Rodovida, a ação tem o objetivo de diminuir o número de acidentes graves, feridos e mortos durante o período carnavalesco, onde há um aumento do fluxo de veículos e passageiros nas estradas. Neste contexto, a PRF atuará sob esquema especial, com reforço de policiamento e fiscalização para enfrentar a violência no trânsito nos locais onde estatisticamente há maior registro de acidente. Também serão desenvolvidas atividades educativas, buscando a conscientização dos usuários das rodovias federais e ações de combate ao crime para garantir a segurança dos foliões quer irão pegar a estrada.
A PRF orienta os condutores que veículos envolvidos em acidente sem vítimas devem ser retirados da pista de rolamento e estacionados no acostamento da via ou em local seguro, com a devida sinalização, para evitar a ocorrência de novos acidentes. Após esses procedimentos de segurança, os condutores podem registrar a ocorrência pelo site www.prf.gov.br/acidentes, que possui valor legal similar ao boletim confeccionado pela PRF.

Dicas da PRF para uma viagem segura
A Polícia Rodoviária Federal destaca que a garantia de uma viagem segura requer, necessariamente,o compromisso do condutor e dos passageiros dos veículos com sua própria segurança. É necessário que todos esses mantenham atenção durante toda a viagem e tenham responsabilidade com seus atos, avaliando se a conduta é segura ou se traz algum risco de envolvimento em acidente, se abstendo totalmente da 2ª opção.
Para isso, disponibilizamos algumas dicas que contribuem para uma viagem segura:
• Atenção redobrada – Deve-se manter atenção total durante toda a viagem, observando qualquer variável que possa causar risco viário com antecedência.
– Respeitar a sinalização – Respeite as placas que indicam os limites de velocidade e as condições de ultrapassagem. Elas não foram colocadas naquele ponto da estrada sem motivo. Nos trechos em obras, o motorista deve reduzir a velocidade e obedecer a sinalização local.
• Planejamento da viagem – O motorista deve se informar sobre as distâncias que vai percorrer, condições do tempo, pontos de parada, existência de postos de combustíveis e de restaurantes à beira da estrada. Não esquecer documentação pessoal e do veículo.
• Revisão preventiva – Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Faróis acesos para ver e ser visto; pneus calibrados e em bom estado; motor revisado, com óleo e nível da água do radiador em dia. Não esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos de porte obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de parabrisa e luzes do veículo;
• Pausas para descanso – O condutor deve programar paradas a cada 3 horas. Quem se expõe a muitas horas dirigindo fica sujeito ao fenômeno da “hipnose rodoviária”, na qual se mantém de olhos abertos, mas sem percepção da realidade à sua volta. Ela vem acompanhada de sonolência, perda de reflexos e de força motora;
• Previsão do tempo – Procurar se informar sobre as condições do tempo nos lugares por onde vai passar. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) disponibiliza gratuitamente informações sobre o clima no endereço www.inmet.gov.br;
• Descanso – Durma bem antes de qualquer viagem de automóvel. O sono e o cansaço são grandes inimigos de uma viagem segura.
• Cinto de segurança – Use sempre o cinto de segurança, este equipamento é obrigatório para todos os ocupantes do veículo.
Em caso de emergência, ligue 191.

Fonte: Agência PRF