Prefeito Hunaldo parabeniza o Prefeito Wilson Pedreira pela sua competência como gestor



Poderíamos muito bem dizer que Jaguaripe e Salinas da Margarida exercem, não uma ligação fronteriça mas, um limite territorial em áreas contíguas no recôncavo baiano, especificamente nas localidades de Mutá, Cações e Pirajuía. Mais que isso: há uma verdadeira ligação "umbilical" entre os atuais gestores Wilson Pedreira (Salinas) e Hunaldo Costa (Jaguaripe), quando se trata de engajamento em torno do  desenvolvimento desses municípios. 

Eles poderiam, muito bem, estar se digladiando: Wilson em prol da inclusão dos distritos de Cações, Mutá e Pirajuia, dada a proximidade que tem com o centro da cidade de Salinas. Hunaldo Costa, por sua vez, "brigando" para que essas áreas permaneçam integrando o território de Jaguaripe. Eles sabem, de cátedra porque a população prefere esses distritos façam parte de Salinas:  a proximidade com o centro dessa cidade. A distância a ser percorrida para se chegar ao centro da cidade de Jaguaripe (cerca de uma hora), transitando por Nazaré, é sempre um entrave aos munícipes. Ao invés de ficarem em queda de braços, já que a decisão compete ao Tribunal de Justiça decidir, eles se autoajudam na missão de cuidar da população dos  distritos em epígrafe. Hunaldo, realizando obras e serviços e WIlson, dando, sempre que possível suporte, na área de saúde (casos de emergência).


Presente, mais uma vez, em Salinas, prestigiando o Festival gastronômico-cultural, Hunaldo Costa, acompanhado da esposa Larissa Costa (Secretária de Saúde) não apenas teve oportunidade de dar uma abraço em seu companheiro de executivo, Wilson Pedreira. Mais que isso, curtir as atrações musicais, as iguarias culinárias, apresentações culturais e a beleza ímpar de uma cidade que, em consonância com a receptividade de sua gente, figura, insofismavelmente, no roteiro turístico da Bahia.