Escândalo de adultério faz cair um dos bispos mais poderosos da Universal



Um dos homens de confiança de Edir Macedo dentro da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), o bispo Rogério Formigoni não faz mais parte da instituição. Ele foi afastado acusado de “conduta inapropriada”.

O caso foi colocado em tona dois meses atrás, quando o próprio bispo admitiu que estaria trocando mensagens de celular com uma mulher casada. De acordo com fontes internas da igreja, Formigoni não teria aceito o castigo imposto pelo desagravo.

Teria sido o bispo Renato Cardoso o responsável por determinar a punição: que Rogério passe a pregar nos Estados Unidos. A punição foi vista como muito dura e encarada por Formigoni como uma tentativa de afastá-lo dos holofotes.
O bispo Rogério Formigoni apresentava quadro da igreja no Balanço Geral SP e programa sobre drogas na RedeTV!. Veja nota oficial da Igreja Universal:
"Para dar fim a especulações e fake news, a Igreja Universal do Reino de Deus vem a público para esclarecer o que de fato ocorreu na questão do ex-bispo Rogério Formigoni.
No início de setembro último, Formigoni procurou a direção da Universal para expor sua conduta inapropriada, que desrespeitava frontalmente o tipo de comportamento que é exigido de todos os bispos e pastores.
Tendo manchado seu ministério, segundo as normas de conduta pastoral da Universal, Rogério não poderia mais permanecer na posição de bispo.
Mesmo assim, considerando sua confissão e acreditando em seu arrependimento e na possibilidade de restauração, a igreja lhe ofereceu uma oportunidade de recomeço.
Porém, não aceitando a disciplina nem um recomeço, Formigoni preferiu, por decisão própria, desligar-se do ministério.
Nossas orações são para que ele, sua esposa e a outra família envolvida se reestabeleçam no casamento e na fé."
Fonte:YAHOO!