Caso Marielle Franco: Citação a Bolsonaro pode levar caso ao STF



A investigação do caso da vereadora Marielle Franco (PSOL – RJ) pode ir até o Supremo Tribunal Federal (STF), após citação do atual presidente Jair Bolsonaro, no fato. De acordo com o Jornal Nacional, a Polícia Civil do Rio de Janeiro teve acesso ao caderno de visitas do condomínio Vivendas na Barra, na Zona Oeste do Rio onde o presidente e o policial militar Ronnie Lessa, acusado de ser o autor dos disparos que mataram Marielle Franco possuem casas.

Segundo o noticiário, no dia do crime, em 14 de março do ano passado, um dos suspeitos de envolvimento no caso teria anunciado na portaria do condomínio, que visitaria Bolsonaro, mas na verdade foi até a casa do PM acusado.

A citação pode levar o caso até o STF, pois o presidente tem foro privilegiado, na época, ele era deputado federal.

Redação VN