Advogado diz que mulher apontada como maior traficante da Bahia é inocente e culpa ex-marido



A defesa da mulher apontada como a maior traficante da Bahia, pela Secretaria de Segurança Pública do estado (SSP-BA), afirmou que ela é inocente. De acordo com o advogado Walmiral Marinho, Jasiane Silva Teixeira, de 31 anos, conhecida como “Dona Maria”, fugiu para São Paulo e não se entregou à polícia com medo da vida dela e das filhas, de 4 e 10 anos.

O advogado alega que as acusações não são verdadeiras, e que Jasiane está sendo acusada pelo histórico criminal de Bruno de Jesus Camilo, seu ex-companheiro, que morreu em 2014. Bruno era apontado como ex-líder de uma quadrilha na Bahia e, segundo informações da polícia, teria passado esta função para Jasiane.

“Jasiane não pode ser responsabilizada pelos atos do ex-marido. Ela é inocente. O problema foi o amor bandido. Ela não pode ser apedrejada”, afirmou o advogado.

Jasiane está presa em São Paulo e deve ser transferida para Bahia nos próximos dias.

Redação VN