Jovem que matou homem a facadas durante cavalgada em Amargosa é localizado um ano após crime



Um jovem de nome não divulgado foi apreendido nesse domingo (21), em Camaçari, pela morte de um homem em 15 de abril de 2018, durante uma cavalgada na zona rural de Amargosa. Por ter 17 anos na época do crime, o então adolescente responderá por ato infracional análogo ao crime de homicídio qualificado, mesmo já tendo completado a maioridade.
O assassinato aconteceu após uma discussão banal entre a vítima e o rapaz, que sacou um punhal e desferiu vários golpes contra Edgar Santos da Silva Júnior. De acordo com o titular da Delegacia Territorial de Amargosa, delegado Adilson Freitas, “o crime gerou revolta à população da cidade, pois Juninho, como era conhecido, era muito bem quisto”. (Aratu On)