R$ 2 milhões em materiais em fàbrica que pegou fogo foi preservado pelos Bombeiros

Um milhão e oitocentos mil em maquinário e material de escritório, além de 70 toneladas de XPS (polímeros) - com valor de R$ 200 mil, sendo 40 toneladas para produção e 30 toneladas já ensacadas para comercialização, foram preservadas pelo Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), durante o combate ao incêndio na fábrica de isopor, Isobrás, na quinta-feira (1°), instalada no Centro Industrial de Santo Antônio de Jesus. Atuaram na ação de rescaldo, 25 bombeiros militares. A IsobBrás produz e distribui produtos de isopor, como placas para laje, colchões e telhas, além de molduras.

As Policias Militar e Rodoviária Estadual (PM) e (PRE), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Coelba, Embasa, a secretaria de Trânsito e Defesa Civil do município, os comerciantes e moradores da região tiveram uma participação essencial, contribuindo com a ação dos bombeiros militares, segundo nota divulgada pela Corporação. Não houve feridos. A fábrica produz o EPS, que é a sigla internacional do Poliestireno Expandido. No Brasil é popularmente conhecido como Isopor. O EPS é um plástico celular rígido, resultado da polimerização do estireno em água. Fonte: Infonsaj