Duas pessoas desaparecem no mar enquanto praticavam stand up paddle na Baía de Todos-os-Santos


Um homem e uma mulher desapareceram enquanto praticavam stand up paddle na Baía de Todos-os-Santos, no fim da tarde de sábado (10). Um terceiro remador também sumiu, mas foi resgatado por volta das 22h50. As identidades dos três remadores não foram divulgadas. [Vídeo acima mostra resgate do primeiro remador]


As três pessoas alugaram as pranchas na praia do Porto da Barra, em Salvador, e foram arrastadas para fora do limite da Baía, por volta das 18h.

O Serviço de Busca e Salvamento Marítimo do Leste (Salvamar Leste), operado pelo Comando do 2º Distrito Naval (Com2ºDN), em Salvador, deu início a uma operação para tentar localizar os três remadores. Uma lancha da Capitania dos Portos da Bahia e outra do Yacht Clube da Bahia foram direcionadas à região da boca da Barra da Baía de Todos-os-Santos para fazer as buscas.

Ainda na noite de sábado, o Navio-Patrulha Gravataí deixou a Base Naval de Aratu para realizar buscas ao sul da ilha de Itaparica. A Marinha informou que também foram realizados avisos pelo canal marítimo de rádio VHF alertando todas as embarcações da área sobre os desaparecidos.

Segundo a Marinha informou neste domingo (11), o Salvamar Leste também acionou o Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia, que enviou aeronave para auxiliar nas buscas no início da manhã.

Ainda de acordo com a Marinha, um dos remadores foi localizado pelo navio mercante Monte Sarmiento, a cerca de 14 km de terra ao sul da ilha de Itaparica. A Marinha acredita que os outros dois remadores estão mais distantes.

O homem que foi resgatado ajudou nas buscas durante a noite. Em seguida, ele foi encaminhado para o Hospital Naval de Salvador e foi liberado após avaliação médica.

A Marinha divulgou, por meio de nota, que manterá as buscas e solicita que qualquer informação que auxilie a operação seja encaminhada pelo telefone de emergências marítimas (185), pelo número de serviço do Salvamar Leste (71 99972-5468) ou pelo telefone de plantão da Capitania dos Portos da Bahia (3507-3777), todos funcionando 24 horas por dia.

Até a publicação desta reportagem, as outras duas pessoas que praticavam stand up paddle continuavam desaparecidas.

G1